Arqui-Druída /|\ Adgnatios      -      O Lobo Lusitano

Talvez nunca a carga simbólica da conhecida frase "atravessar o rio" tenha tido tanto significado e expressão para alguém como teve e tem para o Arqui-Druida da Lusitânia. Foi precisamente esse o título do primeiro texto que li de sua autoria. Prosa poética, afinal, na qual consta uma passagem de tal gravidade humana que me marcou para todo o sempre, ressoando dentro de mim a cada decisão que tomava no intuito de direccionar a minha vida para algo que desejava profundamente bom para mim e para o mundo: "quem deseja ir é porque já foi. Pode ser que voltes para onde já não estás. Adeus, adeus, mesmo que fiques".
Confesso que demorei anos a compreender com um certo rigor o que o Hieroskopo Lusitano pretendia dizer, até que um dia ganhei coragem e perguntei-lhe. Respondeu-me o seguinte: "Trata-se de um daqueles casos em que a resposta está dentro de cada um. Se eu te disser deixarás de procurar dentro de ti e jamais voltarás. Aquele que deixar de procurar permanecerá perdido".
Depois deste meu pequeno testemunho, que me pareceu importante aqui deixar, deixo algumas pequenas notas sobre o Arqui-Druida da ATDL:
1) - A sua formação académica em Filosofia, área em que é doutorado, levou-o a interessar-se pelo tema da Espiritualidade, por volta do ano de 1998;
2) - na mesma altura, juntamente com alguns colegas da Universidade, fundou um grupo de investigação não tutelada sobre a Cultura Celta;
3) - após o falecimento da sua mãe, dedicou-se a tentar encontrar um caminho espiritual que lhe explicasse o sentido da vida e da morte, procura que o levou a estudar todas as religiões, culturas e tradições conhecidas;
4) - de entre estas, porque entendeu que era a que respondia dignamente às questões essenciais e que espelhava adequadamente a acção humana como movimento de espiritualização, elegeu a Tradição Druídica como aquela a que se iria dedicar ao longo da sua vida;
5) - desde Beltane de 2004 que oficia a Tradição Druídica de forma regular, tendo presidido como oficiante a mais de 200 celebrações litúrgicas;
6) - após a sua elevação ao Arqui-Druídicado, adaptou as liturgias Druídicas à matriz Lusitana, cuja cultura e espiritualidade tinha vindo a estudar desde 1999.  
/|\ Adgnatios
/|\ Adgnatios
/|\ Adgnatios
/|\ Adgnatios
/|\ Adgnatios
/|\ Adgnatios
/|\ Adgnatios
A SUA VISITA É A Nº:
SEDE DA ATDL:

Rua D. Francisco Xavier de Noronha

2800-092 Almada

SIGA-NOS NA REDES SOCIAIS:
  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • YouTube ícone social
ENDEREÇO DO CENTRO DRUÍDICO:

São Pedro do Corval,

Reguengos de Monsaraz,

Évora, Portugal.

INFORMAÇÕES SOBRE  

Políticas de Privacidade & Cookies

© 2017 - POWERED BY:  ASSEMBLEIA DA TRADIÇÃO DRUÍDICA LUSITANA - ATCL - ORGANIZAÇÃO RELIGIOSA OFICIAL